Azure Virtual Network Peering via Powershell no Microsoft Azure

O que é Azure Virtual Network Peering?

O Virtual Network Peering significa que a organização pode ter várias VNETs na mesma região e conectar a elas sem utilizar o VPN Site-to-Site. O “Peering” permite conectar em outras VNETs usando o Backbone do Azure sem utilizar uma VPN Site-to-Site. Com ele você consegue expor a largura de banda total entre as VMs.

Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_10

Detalhes VNet Peering
 
Permite a conexão direta de VNet sem necessidade de qualquer gateways.
  • Permite o tráfego entre Vnets para outra VNet;
  • Fornece alta largura de banda baixa latência para comunicação de rede;
  • Redes virtuais devem ser na mesma região;
  • Eles podem ser nas mesmas ou diferentes assinaturas;
  • Eles não devem usar a sobreposição de intervalos IP;
  • Peering não é transitiva. Se rede virtual 1 é conectado à rede virtual de rede virtual 2 e a 2 está ligado à rede virtual 3, então rede virtual 1 não tem nenhuma conectividade de rede virtual 3 e um ponto direto entre a rede virtual 1 e rede virtual 3 é necessário;
 

Configurando Peering via Powershell

Vamos conectar no Azure via powershell, execute o seguinte comando.
Login-AzureRmAccount
Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_01 
Em seguida verifique qual a assinatura que vai utilizar com seguinte comando.
Get-AzureRmSubscription

Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_02

Agora vamos selecionar a assinatura que vamos fazer a configuração.
Select-AzureRmSubscription -SubscriptionName "Lab Jatoba"
Com a assinatura selecionada, vamos registrar o “Microsoft.Network“. Execute o seguinte comando.
Register-AzureRmProviderFeature -FeatureName AllowVnetPeering -ProviderNamespace Microsoft.Network
Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_04
Vamos confirmar se a “Microsoft.Network” foi registrada, execute o comando.
Register-AzureRmResourceProvider -ProviderNamespace Microsoft.Network
Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_05
Pronto, agora vamos atribuir duas variáveis e dentro delas iremos validar as duas VNets que iremos configurar, os nomes das VNets que irei utilizar será “VNET-AZ e VNET-AZ-01”.
$vnet1 = Get-AzureRmVirtualNetwork -ResourceGroupName Ambiente_Teste -Name VNET-AZ
$vnet2 = Get-AzureRmVirtualNetwork -ResourceGroupName Ambiente_Teste -Name VNET-AZ-01
Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_06
 
Após a validação vamos adicionar um nome para o Network Peering, em iremos configurar da seguinte maneira  (Vnet1 –> Vnet2, Vnet2 –> Vnet1).
Execute o seguinte comando para adicionar Vnet1 para Vnet2.
 
Add-AzureRmVirtualNetworkPeering -name VNet1ToVNet2 -VirtualNetwork $vnet1 -RemoteVirtualNetworkId $vnet2.id
Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_07
Agora adicionar Vnet2 para Vnet1 com o seguinte comando. 
Add-AzureRmVirtualNetworkPeering -name VNet2ToVNet1 -VirtualNetwork $vnet2 -RemoteVirtualNetworkId $vnet1.id

Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_08

Pronto o Network Peering está configurado, agora só habilitar as os tipos de acessos que precisa de uma VNet para outra.

 Azure_Virtual_Network_Peering_via_Powershell_no_Microsoft_Azure_09
 
Obrigado galera até o próximo post.

Sobre Michel Jatoba

Veja Também...

Microsoft Azure – Criando Network Security Group via Powershell

Olá pessoal, tudo bem com vocês? Dando continuidade a criação do ultimo recurso, vamos criar …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

XPTO-WPC-MONITOR-TAG